fbpx

O que o Marketing da Marvel pode me ajudar?

Marketing-Marvel-Studios
Compartilhar no facebook
Compartilhe
Compartilhar no linkedin
Compartilhe
Compartilhar no whatsapp
Compartilhe

Certamente, o sucesso do universo da Marvel nos cinemas é mais que absoluto. Mas o que a Marketing da Marvel e da Disney podem ajudar na estratégia da minha empresa? A fim de responder essa pergunta, enumeramos alguns fatores que fazem a diferença em uma estratégia empresarial e de Marketing.

#1 – Marketing da Marvel: Qualificação Profissional

Em primeiro lugar, analisaremos o primeiro filme da Marvel nos cinemas. Por isso devemos voltar em 2008, aonde o personagem Homem de Ferro, estrelado por Robert Downey Jr, dava o ponta pé inicial para essa saga bilionária do cinema internacional.

Vemos a escalação de uma pessoa polêmica para o papel principal, pois, para quem não sabe, Robert tivera inúmeros problemas com drogas. Portanto, julgamentos e sentenças eram frequentes na vida do ator. Sendo assim, por que chamar uma pessoa problemática para interpretar o protagonista de um filme? Não seria um equívoco?

A princípio sim, porém não nesse caso. É só analisar um pouco, pois o personagem Tony Stark é um milionário, alcoólatra, e totalmente egocêntrico. Já o ator, durante toda sua vida, agiu da mesma forma, tornando-se a pessoa perfeita para o trabalho.

Portanto, em sua estratégia escale pessoas qualificadas para as funções, consulte histórico, experiência, trabalhos realizados. Analise os cases de sucesso, pois isso é muito importante!

#2 – Desejo

Despertar desejo é igualmente decisivo um dos fatores mais marcantes em todos os filmes da Marvel, pois os espectadores sentem necessidade de consumir o produto. Haja vista a bilheteria astronômica da última película, onde surpreendentemente, em meros 11 dias, já alcançou o top 3 de maiores bilheterias da história do cinema mundial.

A empresa adotou a estratégia em seus filmes em colocar algumas cenas pós-créditos, a fim de despertar aquela pontinha do que viria a seguir. Dessa forma, o espectador desejava ver o próximo capitulo dessa história o mais rápido possível. Assim, o marketing da Marvel apostou na expectativa para conquistar seu público.

Por isso, provoque o desejo no seu consumidor, e faça ele desejar seus produtos como se não houver o amanhã.

Não venda o produto, mas venda o significado. Igualmente, um bom exemplo é a Coca-Cola. Da mesma forma ela não vende refrigerante, vende felicidade.

Todavia, o ser humano é emotivo, cuidado para não fazer algo apelativo demais para o sentimento. Portanto, estude seu negócio/produto e veja se é possível utilizar dessa estratégia.

#3 – Marketing da Marvel: Experiência

O principal objetivo do Marketing da Marvel em sues filmes é criar um produto a fim de que seu cliente tenha uma experiência inesquecível. E assim eles fizeram, com Vingadores – Ultimato. O filme é o encerramento de uma grande história e entrega uma experiência muito diferente do comum. Assim, você enxerga o filme de uma forma muito mais profunda, pois é a conclusão de 21 filmes e 11 anos de histórias contadas. Muitas pessoas riram, choraram e choraram no filme, pois mostra o engajamento do público com a marca.

instagram-CTA-seguidores

Por isso, construa esse engajamento com seu público, crie experiência com seu público. Outro bom exemplo é o Spotify, aonde sugere músicas automaticamente conforme o gosto musical do cliente. Assim, você tem uma experiência contínua e acaba relembrando musicas que tenha ouvido e não recordava o nome ou o artista.

#4 – Trabalhe sua marca, e seja fiel a ela!

O fator mais importante da estratégia se resume sobretudo na a identidade da marca. Imagine que sua marca é uma persona, pois ela pode sofrer mudanças durante o tempo. Entretanto, nada que afete sua estrutura/moralidade/conceito.

Analisando essa saga infinita da Marvel, certamente ela gira em torno dos personagens Homem de Ferro e Capitão América. Eles sofreram alterações no decorrer dos filmes, mas sua base foi mantida. Steve Rogers é o rapaz bonzinho, de princípios inabaláveis, continuou sendo assim durante toda a história. Dessa forma, o personagem sempre esteve protegendo pessoas e lutando pelo bem comum de todos.

O personagem Tony Stark, continuou sendo um cara egocêntrico, que apesar de manter seu gênio forte, passou por modificações em sua trajetória. Sua personalidade foi mantida, mas seus valores cresceram. Desde o início queria ser o “maioral”, e assim ele foi, porém atingiu seu objetivo de outra forma. Não fora por ser o homem mais rico, mais inteligente ou ambicioso. Mas atingiu seu objetivo sendo o herói da história, realizando o sacrifício máximo: sua vida pela de milhões. Uma reviravolta na história, mas que manteve seus princípios-base intactos.

Marketing-De-Conteúdo-CTA

De fato sua marca vai sofrer alterações com o tempo, assim como todas sofrem. Mas seus valores e princípios devem se manter inabaláveis assim como o de Steve. E sua marca deve evoluir como Tony, para que seus objetivos sejam alcançados.

E aí gostaram das dicas? Então, esperamos que essa análise tenha te ajudado de alguma forma. Se gostou do texto, compartilhe com seus amigos. Ajude a Loopa ajudar mais pessoas! Siga-nos nas Redes Sociais: Facebook e Instagram.

Quer receber novidades da Loopa?

Receba todas as novidades! É simples basta deixar seu e-mail e clicar no botão enviar!

Compartilhe com seus amigos!

Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp